Sexta-feira, 24 de Novembro de 2006

Retribuição

Dedicado a todo o pessoal do Ogame que já esteve nas alianças onde estive, e ao pessoal do fórum Ogame, em especial o pessoal do Cyber e do Hotel!

 

"Retribuição" -por HolyDragoon

Um homem de cabelo já grisalho e envergando um uniforme cinzento estava sentado numa cadeira situada no centro de comando do D.E. Phalanx, um destruidor classe Spearhead, uma das melhores classes de naves que alguma vez andaram naquele universo. Infelizmente, devido aos elevados custos de produção e mão-de-obra, só 3 destas naves tinham sido produzidas até aquela altura.

 

Ele nunca desejou mais na vida dele ter mais daquelas naves.

"Comandante", chamou um soldado de uniforme negro, alto e com olhos e cabelo azuis,"O ataque vai começar."

"E assim começa... Preparar defesas, todas as naves que possam disparar, vão imediatamente para a zona de combate!" ordenou o Comandante, com voz de comando, levantando-se revelando assim a sua altura e postura imponentes. Dito isto, perguntou ao soldado de cabelo azul: "Capitão, qual é o estado das nossas forças?"

"Comandante, desde que tivemos notícias sobre o ataque as fábricas de nanites têm estado a funcionar ao máximo na construção de naves e defesas, calculamos que podemos ter, ao todo, cerca de 400000 naves no ar, sendo 100000 caças ligeiros, 25000 das novas naves de batalha classe Leviathan, 50000 das outras classes de naves de batalha, e 100 destruidores. O resto das forças e composto por cruzadores estelares Dreadnought e outras naves ligeiras. A nossa colónia na galáxia 3 tem a caminho uma frota de 15000 caças ligeiros, 300 cruzadores e 150 naves de batalha. Também houve naves que se voluntariaram para ajudar à defesa."

"Muito bem. E quanto ás defesas?"

"Temos 5000 lançadores operacionais, 2500 lasers dos dois grupos, o escudo a 100%, 100 canhões de Gauss e Plasma, e 250 canhões de Iões."

"Compreendo. Pode voltar ao seu posto, Capitão." ordenou o Comandante.

Um oficial de radar gritou: "Inimigo à vista, preparar para combate!"

"Muito bem, enviem a todas as naves a ordem para atacar!" disse o Comandante, calmamente "Assumam posições de combate!"

À frente dele estava uma frota gigantesca de todas as classes de naves de combate, com o óbvio objectivo de destruir todos os defensores.

As duas frotas encontraram-se, e obviamente o combate começou...

Os esquadrões de caças ligeiros defensores resistiram à pressão inicial do atacante, destruindo a primeira vaga de caças que se abateu sobre eles, mas em breve foram pressionados por cruzadores, que, abriram brechas na defesa em alguns pontos. As naves de batalha ripostaram, com os seus potentes turbolasers a dispararem sobre as naves inimigas, conseguindo parar a ofensiva durante o tempo suficiente para os caças se reorganizarem...

A partir daí, foi uma confusão...

Os caças inimigos atacaram em força, rompendo uma vez mais a defesa, e intrometendo-se na formação das naves mais pesadas, disparando ao acaso contra elas...

Os artilheiros disparavam como possessos contra os invasores, tentando parar aquela onda que os rodeava sem cessar, mas parecia que por cada nave destruida duas tomavam o seu lugar...

Então foi a altura de as naves pesadas inimigas avancarem. Semeando a destruição entre caças e cruzadores, elas avançaram sobre as naves de batalha, defensoras, tentando isolá-las, para que não tivessem defesa possível por parte de outras naves. Foi então que entraram no alcance das defesas planetárias...

"Agora! Destruidores, disparar à vontade!" ordenou o Comandante. Os destruidores dispararam uma salva de tiros que passava através dos caças ligeiros inimigos que tinham o azar de se atravessar à sua frente. Isso foi o fim de muitos pilotos inimigos.

A batalha equilibrava-se de novo...

Os pilotos dos caças defensores voltaram-se contra o inimigo surpreendido com o ataque dos destruidores, e a caça tornou-se caçador.

Nesta altura, uma distorção do espaço revelou uma frota que surgia nas costas do inimigo.

Uma voz ouviu-se na central de comando do Comandante:"Comandante Blader, chegamos atrasados?"

"Kickman! nunca foi tão bom ouvir-te!" exclamou o Comandante, com um sorriso radiante, "Tu e os teus rapazes tem um trabalhinho à medida deles!"

"Não te preocupes, afinal, eles são a elite das elites!" respondeu prontamente Kickman, rindo-se.

Entre os inimigos, a surpresa dava lugar ao desespero... Eles conheciam demasiado bem aquelas naves, que se distinguiam bem pela sua faixa azul pintada na fuselagem. Eles eram as divisões de elite, cuja habilidade já era lenda naquele universo.

A frota de Kickman atacou-os por trás, avançando como raio no céu e destruindo todos os inimigos em mira, enquanto que os sitiados avançaram ao encontro deles. Os inimigos, apanhados na armadilha dos comandantes, e sob fogo pesado das defesas, foram massacrados, e apenas algumas naves conseguiram escapar ao abraço mortal a que foram sujeitas.

O defensor venceu a batalha...

Após o combate, e vendo os recicladores a recolherem os destroços, o Comandante Blader recebe o relatório do combate: "Perdemos 70% de todas as nossas forças, mas só 10% da frota inimiga sobreviveu ao embate. Se não fossem as nossas divisões de elite, teríamos sido derrotados."

Kickman perguntou a Blader: "Mas quem é o inimigo, afinal de contas?"

"Um império vindo dos confins da galáxia, cujo objectivo é a supermacia sobre todo o Universo" respondeu Blader, com um ar sombrio...

"Sempre a mesma história, ás vezes acho que lhes faltam uns rebites na cabeça..." desabafou Kickman, com cara de incrédulo. "Bem, seja como for, temos de falar com toda a aliança, vamo-nos juntar e arrasá-los!"

O que será que espera os nossos dois comandantes? Esperem pela segunda parte da história...

publicado por HolyDragoon às 15:19
link do post | comentar | favorito
6 comentários:
De Fingolfin a 31 de Dezembro de 2006 às 11:14
BRUTAL xD
De HolyDragoon a 8 de Janeiro de 2007 às 09:19
Ainda bem que gostaram, vou ver se escrevo o 2º capítulo hoje
De Blade Ranger a 15 de Dezembro de 2006 às 20:53
olha a toina a fazer histórinhas... xD

ta mt fixe mano!!

continua k vais bem!

tas a praticar po coliseu???

fika bem

cumps!
De Batnu a 28 de Novembro de 2006 às 22:46
Gostei muito da história... acho que escreves bastante bem e a imaginação também é boa... ;)

Espero pela segunda parte... ^^
De fernanda castelo a 26 de Novembro de 2006 às 13:10
sim senhor. estou positivamente admirada. tenho um irmão escritor. continua q pelo eu estarei ca pra ler. :-)
xau troll.
De AllMighty a 28 de Novembro de 2006 às 00:09
Apesar de noob este gajo tem jeito pra escrever.
Tá mt fixe isto, continua assim k eu fico á espera dos próximos 20 capitulos...

xD

Xau noob...

Comentar post

.mais sobre mim

.pesquisar

 

.Abril 2008

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab
1
2
3
4
5
6
7
8
9
10
11
12
13
14
16
17
18
19
20
21
22
23
24
25
26
27
28
29
30

.posts recentes

. A Hora dos Lobos - Capítu...

. A Hora dos Lobos

. Capítulo 3: O Fim de uma ...

. Retribuição. Capítulo 2

. Hunters vs. Berserkers. C...

. Retribuição

. Boas!

.arquivos

.tags

. todas as tags

blogs SAPO

.subscrever feeds